Thiem esquece o cansaço e busca boa semana no Rio

20.Fev.2017

Dominic Thiem, semifinalista do Rio Open apresentado pela Claro em 2016, mostrou já ter esquecido o voo de Roterdã para o Rio de Janeiro e espera fazer outra boa campanha em sua segunda participação no torneio disputado no Jockey Club Brasileiro.  

“Claro que é muito complicado adaptar-se em meio aos fusos horários, voos longos e mudança de piso. Gosto de jogar no saibro e estou feliz por jogar nessa superfície essa semana. Sei que não será fácil, mas fazer isso (trocar de quadra rapidamente durante a temporada) uma ou duas vezes é tranquilo. Espero poder jogar bem amanhã”, disse o austríaco.

Segundo favorito da chave de simples, Thiem estreia contra Janko Tipsarevic, ex-top ten e convidado da organização. O sérvio passou por quatro cirurgias nos últimos anos.

“É claro que o conheço, estava no top ten há seis ou cinco anos, quando eu ainda não estava nos torneios da ATP. Costumava assistir aos jogos dele na televisão, ele era muito legal de acompanhar. Ainda é um grande jogador, mas tentarei ter uma boa performance amanhã", apontou Thiem.

Perguntado sobre a temperatura no Rio, o atual número 8 do Ranking da ATP disse que "está um pouco mais fresco" que ano passado e ressaltou a preparação que vem fazendo. 

"Acho que está mais fresco que ano passado, mas estava jogando na Europa pelas últimas três semanas, e antes disso estava na Austrália. Acho que os tenistas estão acostumados com todas essas mudanças. Não tenho muito tempo para me adaptar e espero me preparar da melhor forma possível", completou.

O Rio Open traz boas lembranças ao austríaco: foi aqui que ele passou por David Ferrer e conseguiu sua terceira vitória sobre um jogador top ten. No entanto, ele espera que o tempo fique mais estável, sem tanta chuva como em 2016. 

"Realmente fui muito bem ano passado. Foi uma semana engraçada por conta da chuva, terminávamos as partidas muito tarde. No dia antes da semifinal, encerrei uma partida de duplas às 2h30, era muito tarde todo dia, e espero que o tempo fique mais firme esse ano", comentou Thiem. 

A rotina corrida de jogar tantos torneios na temporada não parece incomodar o austríaco. E, por outro lado, ele afirma que isso o ajuda a conseguir melhores resultados.

"Preciso de muitos torneios para jogar bem. Não atuei muitas vezes na temporada, não tem sido bom como no ano passado até agora, por isso acho que cada torneio é uma chance de me manter em um bom nível. Gosto muito de tênis, e por isso estou sempre jogando", completou. 


Compartilhe