Thiem confirma favoritismo e busca vaga na final contra espanhol Ramos Vinolas

24.Fev.2017

O austríaco Dominic Thiem venceu o argentino Diego Schwartzman nesta sexta-feira, com facilidade, por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/3, e está na semifinal do Rio Open apresentado pela Claro. O adversário na luta pela vaga na decisão do maior torneio de tênis da América do Sul será o espanhol Albert Ramos Vinolas, que derrotou o argentino Nicolas Kicker, que veio do qualifying, por 6/2 e 6/3.

As duas semifinais do Rio Open e a final da chave de duplas serão neste sábado, com rodada começando às 17h. 

Os últimos ingressos estão à venda no www.tudus.com.br e na bilheteria do Jockey Club Brasileiro, na entrada do complexo.

Thiem, de 23 anos e atual número 8 do ranking mundial, vem se destacando no circuito e, no ano passado, foi semifinalista de Roland Garros, além de conquistar quatro títulos, chegando a sete no total. No Rio Open 2016 ele também alcançou a semifinal, quando foi derrotado pelo argentino Guido Pella. "Me sinto bem adaptado às condições daqui, joguei bem nos momentos decisivos na partida de hoje, acho que foi meu melhor jogo aqui. Gosto de jogar no saibro, meus golpes ficam mais potentes nessa superfície", avaliou o austríaco, que já tem um título de ATP 500, em Acapulco 2016, porém na quadra rápida.

O jogador comemorou uma bela jogada que fez contra Schwartzman, ao rebater uma bola por entre as pernas e marcar o ponto. "Provavelmente foi a melhor jogadora que já fiz na carreira", disse.

Seu adversário deste sábado, Ramos Vinolas, faz sua primeira semifinal de um ATP 500 na carreira. Atual 25º do mundo, o espanhol foi semifinalista do ATP 250 de Quito, há duas semanas, e no ano passado alcançou as quartas de final de Roland Garros 2016, vencendo no caminho o canadense Milos Raonic, atual número 4 do mundo.
 
Thiem já enfrentou Vinolas uma vez e o espanhol levou a melhor. Foi na quadra rápida, em Chengdu, na China, no ano passado. "Vai ser uma partida equilibrada, ele está vivendo sua melhor fase na carreira, tem feito bons jogos aqui. Então, tenho que tentar o meu melhor para avançar", encerrou Thiem.

Compartilhe