Monfils estreia contra argentino e promete empolgar os fãs brasileiros

19.Fev.2018

Muito aguardado pelo público desde a primeira edição do Rio Open, Gael Monfils fará sua estreia nesta terça, às 19h, na quadra Guga Kuerten, contra o argentino Horacio Zeballos, que vem embalado pelo título de duplas em Buenos Aires. "Ele é um grande jogador, muito sólido no saibro, e acaba de conquistar um título. Não será fácil", disse o carismático francês, admirado pelos fãs de tênis por suas jogadas performáticas. Será o primeiro confronto entre os dois no circuito. Zeballos ocupa a 68ª posição no ranking, e tem um título na carreira.

Ex-número 6 do ranking mundial, Monfils  conquistou sete títulos como profissional, e começou bem a temporada 2018. Foi campeão em Doha, e semifinalista em Buenos Aires. Atual 39º na classificação, o tenista de 31 anos tem no currículo as semifinais no US Open 2016 e em Roland Garros 2008. Nesta segunda, ele aproveitou a manhã para visitar o Cristo Redentor.

Em outra partida, o cearense Thiago Monteiro encara o uruguaio Pablo Cuevas, campeão da edição 2016, na quadra central, às 16h30. Thiago, que reassumiu a posição de número 1 do Brasil nesta semana, recebeu convite da organização para entrar na chave principal. Atual 104º do ranking, Thiago fez sua primeira semifinal de um torneio nível ATP em Quito, no início do mês. No ano passado, alcançou as quartas de final do Rio Open.

O retrospecto contra Cuevas não é favorável. Foram três encontros e três vitórias do uruguaio, atual 33º do mundo, incluindo aqui no Rio Open, há dois anos.

Outra partida interessante da rodada de terça será entre o argentino Diego Schwartzman e o norueguês Casper Ruud. Schwartzman vive seu melhor momento na carreira, alcançou as oitavas de final no Aberto da Austrália, em janeiro, e ocupa sua melhor posição no ranking, o 23º lugar. Convidado pela organização, Ruud, de 19 anos, chamou a atenção no Rio Open 2017 ao alcançar a semifinal.

Vice-campeão no ano passado, o espanhol Pablo Carreño Busta estreia contra o italiano Marco Cecchinato, que veio do qualifying. Já o eslovaco Aljaz Bedene, vice-campeão em Buenos Aires no último domingo, pega o austríaco Andreas Haider-Maurer. Outros jogos: Jiri Vesely (TCH) x Federico Delbonis (ARG), Victor Estrella Burgos (DOM) x Nicolas Kicker (ARG) e Pablo Andujar (ESP) x Gerald Melzer (AUT).

Pela chave de duplas, destaque para a estreia da parceria formada pelo italiano Fabio Fognini e pelo espanhol Marc Lopez contra o mexicano Santiago Gonzalez e o chileno Julio Peralta, no terceiro jogo da quadra 2, com rodada iniciando às 16h30. Fognini venceu nas duplas no Aberto da Austrália, em 2015, e Lopez foi campeão de Roland Garros-2016.


Compartilhe