A venda de ingressos para a 9ª edição do Rio Open, começa no dia 21 de setembro, com o tenista número um do mundo, Carlos Alcaraz e o número 2, Casper Ruud, confirmados na competição que acontece de 18 a 26 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro.

Alcaraz chegou ao topo do ranking mundial nesta 2ª feira, após conquistar o US Open, o seu primeiro Grand Slam. A temporada do espanhol, de 19 anos, começou a despontar em fevereiro, ao conquistar o Rio Open, seu primeiro troféu de ATP 500. Ele seguiu a temporada vencendo o Masters 1000 de Miami, o ATP 500 de Barcelona e depois o Masters 1000 de Madri. Esta será a terceira participação de Alcaraz no Rio Open. Em 2020, ainda com 16 anos, recebeu um convite e venceu o seu primeiro jogo em um ATP, em terras brasileiras.

Na final do US Open, derrotou justamente Casper Ruud. O norueguês, 23 anos, que esteve no Rio Open esse ano, mas não chegou a disputar competição lesionado, faz parte da história do torneio brasileiro. Foi em 2017, como convidado e ainda dando os primeiros passos no circuito profissional que ele alcançou a semifinal do evento. Ruud disputará o Rio Open pela 5ª vez na carreira.

’Sempre acreditamos no potencial do Alcaraz e do Ruud mas ficamos surpresos com a rapidez em ver eles disputando o titulo de um Grand Slam valendo topo do ranking da ATP. Desde a primeira edicao temos uma parceria com a IMG que premia com um wild card as futuras estrelas do tenis. Ficamos animados em colher os frutos dessa estratégia alguns anos depois”, comentou Luiz Carvalho, diretor do torneio.

Depois de ambos já terem garantido participação, chegou a vez do público confirmar presença no Rio Open 2023. Na quarta-feira, 21 de setembro, às 11h, terá início a venda de ingressos para o evento através do site www.eventim.com.br/rioopen. A 9a edição do Rio Open ocorrerá de 18 a 26 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro. Além de ingressos por sessão, serão disponibilizados os seguintes pacotes: Pacote Segunda/Terça (20/21), Pacote Quarta/Quinta (22/23) e Pacote Finals (24/25/26).

A programação para a chave principal do Rio Open 2023 contará com duas sessões diárias entre segunda-feira (20 de fevereiro) e quinta-feira (23): a Sessão 1 terá início às 16:30h e a Sessão Noite, às 19h. De sexta-feira (24) a domingo (26), o torneio terá sessão única. A sessão 1 será composta pelo primeiro jogo da Quadra Central e mais todos os jogos das quadras secundárias. Na sexta-feira, a rodada começa às 16h, no sábado, às 17h, e no domingo, a Grande Final está marcada para iniciar às 17:30h. Vale destacar que qualquer ingresso permite acesso ao complexo que será montado no Jockey Club Brasileiro, não importando a sessão.

Valores

O pagamento dos ingressos para o Rio Open 2023 poderá ser realizado com cartões de crédito Visa, Mastercard, Amex, Elo e Diners com parcelamento em até 4 vezes sem juros. Não haverá cobrança de taxa de conveniência. Cada comprador poderá adquirir 4 ingressos por sessão por CPF. Clientes Claro e Santander terão descontos especiais na compra de pacotes. Veja, abaixo, a tabela completa de preços.

Além do tênis

O tênis é a atração principal, mas também há muitas outras opções de entretenimento, numa estrutura comparável à de grandes eventos do circuito mundial. O Rio Open conta com uma área interativa de aproximadamente 10 mil m², o Leblon Boulevard, que oferece opções de stands, lojas, entretenimento e gastronomia, além das ativações dos patrocinadores para torcedores de todas as idades.

O Rio Open é exibido ao vivo para 170 países, levando imagens positivas do Rio de Janeiro para o mundo. Dos visitantes do evento, 30% são de fora da cidade. O torneio injeta mais de R$ 100 milhões na economia do estado, gerando renda e emprego e transformando a vida das pessoas.  O torneio também investe em ações socioambientais. Tendo a sustentabilidade como um de seus pilares, se destaca como um evento carbono neutro com reconhecimento da ONU. O evento também segue firme na plataforma social e apoia projetos ligados ao tênis desde a primeira edição. Por ano, a parceria atende mais de 600 crianças e adolescentes.

“Sempre procuramos oferecer grandes atrações dentro e fora das quadras para o público do Rio Open. O objetivo é  oferecer uma experiência completa de entretenimento para quem prestigia o torneio, em sintonia com iniciativas sustentáveis do ponto de vista ambiental e social. Temos uma expectativa muito positiva com relação aa próxima edição, quando vamos ter as presenças do número um e do número dois do mundo.

Acreditamos que, mais uma vez, vamos ter um grande público, atraindo turistas de todo o Brasil e também da América do Sul,” completa Marcia Casz, Diretora Geral do Evento. 

Esportivamente o torneio também é conhecido pelo seu alto nível. É o primeiro ATP World Tour 500 da história do Brasil e integra o seleto grupo de 13 torneios denominados ATP 500, sendo um dos 22 mais importantes do calendário da ATP e único que ocorre no país. Isso o credencia como o maior evento esportivo anual do Rio de Janeiro e um dos únicos torneios ATP 500 de saibro no mundo.

O Rio Open chega à sua nona edição apresentando em sua galeria de campeões nomes como Rafael Nadal, David Ferrer, Pablo Cuevas, Dominic Thiem, Diego Schwartzman, Laslo Djere, Cristian Garin e Carlos Alcaraz. E não é só! Entre os tenistas que já estiveram no top 10 do ranking da ATP, o público que prestigiou o Rio Open também viu em ação Kei Nishikori, Jo-Wilfried Tsonga, John Isner, Marin Cilic, Gael Monfis, Fabio Fognini e Casper Ruud.

O Rio Open é uma promoção da IMM com realização do Instituto Carioca de Tênis. 

Share this post on: